Beco do Batman na Vila Madalena – Galeria de Arte a Céu Aberto

O Beco do Batman localizado na Vila Madalena é uns dos principais endereços quando se pensa em graffiti em São Paulo, considerado como uma galeria de arte a céu aberto, atrai apaixonados por arte de rua e aqueles que procuram tirar uma foto nos seus muros cheios de cor e graffiti. 

A história do Homem-Morcego na Vila Madalena

O nome do Beco Batman diz a história ser referência a um desenho encontrado na região na década de 80 que homenageava o homem-morcego, esse desenho atraiu diversos estudante de arte ao local, que começaram a pintar os muros cinza com arte cubista e psicodélica, esse desenho do Batman já foi coberto por outras manifestações artísticas no Beco do Batman, mas o nome permaneceu.

Essa inconstância é o que faz cada visita ao Beco do Batman ser diferente, antigos graffitis se vão para novos surgirem, mas não pense que é chegar lá e fazer um graffiti em cima do outro, existe toda uma política entre os artistas para que um novo graffiti seja feito, quando ele está desgastado é verificado com o autor da obra a necessidade de restauração ou a possibilidade de uma nova obra ser pintada.

Paulo Ito criando seu novo mural no Beco do Batman

Pode acontecer de um muro ser pintado de cinza da noite pro dia no Beco do Batman? Pode! A maioria dos muros são casas de moradores que cederam o espaço,  mas  entre os artistas a política é nunca pintar sobre a arte do outro sem autorização, as paredes do Beco do Batman são disputadas e têm toda uma curadoria para novos graffitis e nunca uma parede fica muito tempo sem cor.

Rua Gonçalo Afonso e Medeiros de Albuquerque

O Beco do Batman está entre a ruas Gonçalo Afonso e a Medeiros de Albuquerque na Vila Madalena, com entrada também pela rua Harmonia. Para chegar de metrô as estações mais próximas são a Vila Madalena (linha verde) e Fradique Coutinho (linha amarela).

Mural do Eduardo Kobra na rua Belmiro Braga

O caminho pela estação Fradique Coutinho é mais interessante, subindo pela rua Mateus Grou você chega na rua Belmiro Braga, onde se encontra um graffiti do Eduardo Kobra e o menos badalado Beco do Aprendiz, na rua Padre João Gonçalves, travessa com a Inácio Pereira está alguns graffitis do britânico Fin DAC que são uns dos meus preferidos na Vila Madalena.

Arte do britânico Fin DAC na rua Padre João Gonçalves

Beco do Batman – 170 Metros de Energia Criativa

A arte de rua em São Paulo é umas das mais importantes do mundo, começou a tomar impulso por volta da década de 80, não parando mais de se espalhar pela cidade. O Beco do Batman é um marco de ocupação do espaço público e da arte urbana de São Paulo, conhecer os 170 metros de energia criativa é uma experiência de cores e arte sem igual.

Cada visita é única, mesmo tendo visitado o Beco do Batman várias vezes, posso afirmar, nunca é a mesma visita, sempre existe um graffiti novo ou algum que passou despercebido, até mesmo aquele que você adora e vai conferir se ainda está no muro. Sempre vale a pena voltar e aproveitar esse que é uns dos pontos turísticos mais vibrante de São Paulo.

Esse Graffiti contou com a contribuição do Rolling Stone Ron Wood

Fotografe, fotografe e fotografe

Devido a fugacidade da arte de rua, a única forma de preservar cada arte é registrando, por isso quando estiver no Beco do Batman tire muitas fotos, imortalize os graffitis em fotos, assim mesmo que um dia ele não estiver mais lá, aquela foto vai existir pra provar sua estética, mostrar sua beleza e ser uma lembrança viva.

Esse muro agora contêm uma novo graffiti do Binho Ribeiro

Pra tirar boas fotos é melhor não deixar pra ir no Beco do Batman quando estiver anoitecendo ou a noite, apesar de alguma iluminação não é o suficiente para boas fotos, principalmente se não estiver com uma câmera profissional. O Beco do Batman é uns dos lugares mais fotogênicos de São Paulo, sempre têm alguém fazendo ensaios pessoais e campanhas publicitárias, principalmente na semana, já que os finais de semana, costuma ser muito mais movimento.

Vila Madalena – Graffiti por todos os lados

A Vila Madalena deve ter a maior concentração de graffitis por metrô quadrado em São Paulo, atrevo a disser até no Brasil, apesar do Beco do Batman ser a grande atração, caminhando ali nas proximidades já vai encontrar graffitis fantásticos, principalmente na rua Albuquerque de Medeiros e na Rua Aspicuelta.

Caso estiver procurando aquelas asas de anjo que são super famosas pra selfie, elas não estão exatamente no Beco do Batman, umas delas está subindo a rua Harmonia na loja Kotton Futon e a outra no Espaço CulturaAlma de Rua saindo do Beco do Batman pela rua Gonçalo Afonso, o local promove várias atividades ligadas a arte urbana. 

Espaço Cultural Alma da Rua
Área externa da loja Kotton Futon

Galerias de Arte Urbana

Em frente ao Beco do Batman na rua Harmonia fica a Galeria A7MA voltada pra arte urbana que vale muito visitar, sempre têm exposições interessantes em cartaz, na outra saída do Beco do Batman fica a Galeria Choque Cultural que também investe na arte de rua e na arte contemporânea.

O Armazém da Cidade, do lado da Galeria Choque Cultural promove feiras culturais, festivais gastronômicos, oficinas e apresentações artísticas, mas a maioria da programação ocorre final de semana, durante a semana contudo com o espaço fechado, é possível conferir o graffiti do Tom Zé feito pelo Kobra, que fica no portão do espaço.

Graffiti do Kobra no Armazém da Cidade

Escadaria do Patápio

Uma ótima maneira de finalizar seu tour no Beco do Batman é conferir a Escadaria do Patápio, localizada entre as ruas Patápio Silva e Medeiros de Albuquerque, encostado no Armazém da Cidade, a escadaria foi toda revitalizada com 350m² do clássico azulejo branco decorado, o projeto foi realizado pelo Atêlie AZU  que usa azulejos decorados para colorir espaços públicos.

Tenho um grande amor pela Escadaria do Patápio, mais uma intervenção urbana que trouxe mais cor e arte pra São Paulo, pra completar foi implantado um jardim vertical, com garrafas PET, canos de PVC e pneus velhos.


♦ Procurando Hospedagem? Faça sua reserva pela Booking

Ganhe até R$ 100 na sua primeira hospedagem no Airnbb ♦

Ganhe R$ 15 na sua primeira corrida com a Cabify com o código DEISYR8 


 Aproveite  4 Passeios Gratuitos na Avenida Paulista

10 passeios gratuitos para conhecer no centro de São Paulo

Confira 12 Hostels Temáticos em São Paulo


Deisy Rodrigues

Viajante compulsiva, devoradora de livros, aspirante a cozinheira nas horas vagas e fotógrafa amadora, uniu umas das suas maiores paixões que é a cidade de São Paulo para reunir seu lado criativo, curioso e explorador e apresentar o que existe de melhor na paulicéia desvairada, mas sem deixar de lado outros destinos por onde passa.

12 thoughts on “Beco do Batman na Vila Madalena – Galeria de Arte a Céu Aberto

  1. Aiii o Beco do Batman está de arrasar mesmo! Paulistana que sou, tenho mo orgulho desse cantinho de São Paulo! <3
    Ameii o post, confesso que não conhecia a história do beco! haha! 🙁

  2. Eu adoro tanto esse lugar que queria ir ai cada vez que vou a São Paulo. E cada vez parece que é a primeira, porque como você falou, a inconstância que sempre traz nova arte pro beco deixa a gente sentir a emoção de passear por ali tudo de novo! Um dos melhores lugares de SP pra mim <3

    1. Essa é umas das melhores sensações que sentimos em cada visita, um sentimento de descoberta a cada graffiti, uns dos meus lugares preferidos na cidade também, sempre que estou nas proximidades tento fazer uma visita.

  3. Oi Gente, estou fazendo uma visitinha por aqui.
    Gostei bastante do site, vou ver se acompanho toda semana suas postagens
    Gosto muito desse tipo de conteúdo um Abraço 🙂

    1. Agradeço a visita, continue acompanhando nosso conteúdo, sempre temos dicas para aproveitar a capital de São Paulo e divulgamos destinos turístico no estado e no Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *